OCA DO IBIRAPUERA

RECEBE MOSTRABLACK

Instalada em um dos principais símbolo da cidade, a Oca no Parque Ibirapuera, a Mostra Black 2015 apresenta um novo formato e traz novidades para a cena cultural paulistana. Com características de exibição artística, a  quarta edição do evento de arquitetura, decoração, design, vai até  21 de junho. O projeto expositivo da mostra tem luminotécnica assinada por Maneco Quinderé e contempla 14 espaços ocupados por profissionais de diversas partes do Brasil. O projeto foi pensado sobre os princípios da cenografia confeccionado com materiais desmontáveis e reutilizáveis.
Outra novidade é um ciclo de palestras que ocupará o auditório da Oca durante todo o período do evento. As palestras serão curadas pelo Centro Universitário Belas Artes de São Paulo, apoiadora cultural da mostra. Quanto ao mercado de design de interiores e arquitetura, as marcas como Dell Anno e Deca apresentam as novidades do setor. O elenco de 2015 conta com Camila Klein, Carolina Maluhy, Débora Aguiar, Erick Figueira de Mello, Guilherme Torres, João Armentano, Juliana Vasconcelos, Marcelo Salum, Marcelo Borges e Arthur Athayde, Maximiliano Crovato, Osvaldo Tenório, Ricardo Bello Dias, Roberto Migotto, Suíte Arquitetos e Triplex Arquitetura.
MOSTRABLACK
Data: 3 a 21 de junho2015
Horário: de segunda a sexta das 12h às 22h
Finais de semana e feriado: 10h às 22h
Local: Oca, Parque Ibirapuera
www.mostrablack.com.br

GuilhermeTorresOK

Guilherme Torres  – Para fazer o ambiente, o arquiteto se inspirou na Oca e na época em que o edifício foi construído, em 1954. O período conhecido como “anos dourados” foi marcado por uma grande prosperidade econômica e uma onda de otimismo no país. Veio daí a construção de edifícios e casas de formas mais livres, mais funcionais e menos adornadas, acompanhadas por uma decoração de interiores despojada e moderna.
Guilherme torres3
Guilherme Torres

Guilhermetorres2

Guilherme Torres
Carolina Maluhy1
Carolina Maluhy – Um equilíbrio entre luxo e simplicidade é a proposta do espaço Deca, que une detalhes e materiais mais sóbrios para expor as louças e metais da marca. As elegantes luminárias Lacrime del Pescatore, de Ingo Maurer, aliadas aos acabamentos em madeira rústica, exemplificam essa harmonia.  O ambiente remete a um estar, com mobiliário e paredes em materiais quentes, como o veludo que contribui com a sensação de aconchego.
Osvaldo Tenorio
Osvaldo Tenório – O espaço de 96 metros quadrados preserva a memória da Oca: no entorno de um pilar original e desgastado da construção. O arquiteto desenvolveu um estar e uma sala de jantar onde o colecionismo se expressa por meio da arte e de bons exemplares do design brasileiro e mundial.

Joao Armentano

João Armentano – É o formato oval do ambiente que mais o caracteriza como um espaço intimista e acolhedor. O tom escuro da madeira escolhida por João Armentano reforça esse conceito, tornando o ambiente ainda mais aconchegante. No mobiliário, o uso de peças únicas de diferentes épocas, combinadas com peças contemporâneas, traz sofisticação ao espaço.
Joao Armentano1
João Armentano

RobertoMigotto1

Roberto Migotto – Uma parede escultórica em estuque cinza, feita em gesso, cal e água, divide o espaço em um living e uma sala de jantar. O ambiente é inteiro revestido em papel verde-petróleo e recebe uma parede de fundo com cortina de veludo, tornando o espaço ainda mais escuro imprimindo dramaticidade ao projeto.
Juliana Vasconcelos
Juliana Vasconcelos – Com leve inspiração futurista dos anos 70, o ambiente tem base neutra, curvas sinuosas e orgânicas, invocando a sensualidade e o tropicalismo explorado no modernismo de Niemeyer. A arquiteta e seu sócio, Matheus Barreto desenvolveram móveis especialmente para a mostra, seguindo o conceito que tanto prezam: simplicidade e sofisticação.

Triplexbx

Triplex Arquitetura (Adriana Helú, Carolina Oliveira e Marina Torre Lobo) –  O predominio das cores branca, cinza e preto traz ao espaço um clima atemporal e simples. A base do banheiro é o mármore branco piguês, em sua configuração chevron ( ou espinha de peixe), complementado por paredes de textura suave.As luzes que saem das bancadas e refletem nos espelhos redondos (reproduzindo janelas) lembram a forma da Oca. Esse é o único ambiente que vai permanecer após o encerramento da mostra, fazendo com que a Oca e os visitantes ganhem um grande presente.
Suite Arquitetos1
Suite Arquitetos (Carolina Mauro, Daniela Frugiuele e Filipe Troncon) – O ponto de partida para a criação do espaço de 60 metros quadrados foi pensar em um projeto que dialogue com as tendências da vida contemporânea. O conceito do Apartamento Black é um compacto no qual luxo e sofisticação ressurgem de maneira moderna e inovadora. Além das peças desenhadas pelo escritório, o mobiliário é um mix do design jovem brasileiro e o clássico minimalista escandinavo. Uma das peças brasileiras é a poltrona Bololó, recém lançada em Milão pelo designer Leo Capote.
Suite Arquitetos2
Suite Arquitetos
Erick Figueira de Melo ok
Erick Figueira de Mello –  O arquiteto carioca criou um espaço leve e que, mesmo sendo uma área interna, remete a áreas externas e jardins. O conceito é fazer com que o teto e a parede pareçam uma dobradura de papel, leve como os origamis japoneses. A madeira aparece como material principal e os tons de cinza, preto e branco aparecem nos revestimentos e tecidos. Segundo o arquiteto, a ideia é oferecer um espaço sem pretensão, onde as sensações de bem-estar e de aconchego prevaleçam.
Erick Figueira de Mello 2 OK
Erick Figueira de Mello

Erick Figueira de Mello3 OK

Erick Figueira de Mello

Espaço de Convivência assinado pela MA Interior Design para a MostraBlack 2015. Foto Bruno Contim

Marcelo Borges e Arthur Athayde – Entre o minimalista e o excesso, a dupla de arquitetos baianos criou o living se valendo de diversos estilos. A proposta é imprimir refinamento e elegância e ainda incentivar a personalidade individual, usando quadros exuberantes, esculturas, lustres de cristal da Baccarat, arte e motivos neoclássicos.

MB_15-8084

Marcelo Borges e Arthur Athayde

MB_15-8268

Marcelo Borges e Arthur Athayde
Post e fotos feitos com smartphone LG-G3

Copyright by Mix Editores Associados