OPOSTOS COMPLEMENTARES

A família trocou o campo pela metrópole mas fez questão de manter na morada urbana o equilíbrio entre o moderno e o rústico
Texto: Renata Putinatti  Fotos: Jomar Bragança

Proj. David Guerra_004

Para trocar a antiga residência, situada em uma reserva ecológica, por um apartamento na cidade, os proprietários – com dois filhos pequenos – fizeram questão de conciliar as características acolhedoras de uma casa de campo ao estilo urbano e prático da metrópole, no caso, Belo Horizonte (MG).

Proj. David Guerra_003

O apartamento passou por uma grande reforma comandada pelo arquiteto David Guerra. O maior impacto aconteceu na ala social, com a abertura das salas e varandas para tornar os ambientes maiores, mais fluidos e confortáveis.

Proj. David Guerra_005

Segundo o arquiteto, na escolha do mobiliário é possível observar a preocupação de criar espaços que privilegiassem o aconchego, a elegância e a descontração. “Assim, surge uma mistura de móveis brasileiros que vão de Sérgio Rodrigues e Pedro Useche até móveis de marcas internacionais, como De Padova, Minotti, B&B Italia, Muuto e Moooi”, diz.

Proj. David Guerra_008

Proj. David Guerra_007

Proj. David Guerra_001

Proj. David Guerra_006

Os revestimentos seguiram o ideal dos moradores de manter um ar de rusticidade com madeira no chão e em algumas paredes. As tábuas largas de peroba do campo (AM Demolições), retiradas de uma fazenda, cobrem o piso de todos os cômodos, exceto das áreas molhadas. O material passou por processo de clareamento, mas preservou seu aspecto natural.

Proj. David Guerra_002

O cinza do cimento queimado utilizado para revestir as paredes (Mr. Cryl/Bricolagem) trouxe a atmosfera urbana e contemporânea para dentro do apartamento, ora usado sozinho, ora acompanhado por painéis de réguas de peroba-do-campo, peroba-rosa, cedro e canela (AM Demolições).

Proj. David Guerra_011

Proj. David Guerra_010

Proj. David Guerra_012

Proj. David Guerra_013

Copyright by Mix Editores Associados